Sobre


[Última atualização em: 04/12/2016]

Tendo sido criado em 2014, o Universo Leitura surgiu com um incerto destino. A princípio, possuía o título "Contos Diversos", onde a proposta era nada mais que apresentar histórias fictícias, dos mais variados gêneros, em especial o terror. Tal fase durou pouco, quando o blog tornou-se mais diversificado em termos de conteúdo, e, a partir disto, o título alterou-se para o atual. Mesmo com um público ínfimo (que tem possibilidade de aumentar rs), o site continuou firme e forte, trazendo novas ideias e até séries originais dentro da proposta principal.

Universo Leitura é um site essencialmente voltado à leitura de textos ficcionais (sendo eles: contos, creepypastas e textos reflexivos/mórbidos), em grande parte escritos por mim. Também valoriza a cultura nerd (HQs, filmes, séries e animes), além de posts sobre assuntos como: Mitologia, temas polêmicos e tudo o que compõe o universo sobrenatural e imaginativo. 

Enfim, um site onde eu posto os meus interesses, onde o irreal sobrepõe-se ao real. O objetivo do blog é incentivar aqueles que buscam mergulhar fundo no mundo da escrita de ficção, além de proporcionar diversão na medida do possível.


Perguntas e Respostas

Você ganha alguma recompensa ($) pelas publicações dos seus textos? 

R: Não ganho nem um centavo pelo que faço. Se isto é algo desconfortável... Particularmente, não tenho essa visão. O blog não é monetizado e nunca houve um pensamento a respeito ou pretensão de lucrar com minhas obras, é uma ideia um tanto deixada de lado por justamente não existir interesse lucrativo que me beneficie graças aos projetos que desenvolvo. A tendência é que permaneça desta forma até o fim. Fazer um trabalho que proporcione entretenimento, procurando se satisfazer mais com o amor pela escrita do que com pretensões ambiciosas.

Mas o Google Adsense é um serviço bastante utilizado e rentável! Por que você o rejeita? 

R: Não quero propagandas no meu blog, sinto que não parece ser exatamente para isso que o Universo Leitura deva se promover, tampouco foi concebido para ser uma ferramenta de lucratividade. Nada contra aos blogs que usufruem do serviço supracitado, cada um com seus motivos, mas, definitivamente, não é disso que o Universo Leitura necessita. 

Como você faz sua divulgação? 

R: Através do Google+ (vulgo Google Plus). Quanto ao Facebook, é uma questão mais profunda e árdua de se resolver, considerando meu receio em criar uma conta e minha preocupação com segurança, tendo em vista o gigante que é essa rede social. Mas ainda estudo a possibilidade. O objetivo do blog é apenas e somente apresentar conteúdo de qualidade, sem muita visibilidade de público, embora seja um adicional bem-vindo.

Existe um limite de conteúdo em relação à proposta do blog?

R: Basicamente, sim. Por exemplo, sobre a cultura nerd: A maioria dos posts são listas e críticas, nada de notícias ou vídeos. O mesmo vale para games (não sou gamer), uma temática que não tem espaço por aqui, mas confesso que adoro jogos de vídeo-game, talvez um dia eu desfrute desse privilégio. Outro exemplo são os contos de terror. Não produzo histórias com conteúdos adultos que podem acabar chocando leitores menores de idade. Histórias classificadas como +18 nunca serão tidas como prioritárias aqui no blog por serem mais atraentes por assim dizer. Portanto, a classificação máxima é +16, mas tratarei de por alguns avisos acima dos textos que conterem trechos carregados de violência extrema ou palavreado obsceno, o que vale para qualquer tipo de produção (série, saga, minissérie ou one-shot). Ou talvez um aviso na barra lateral direita.

Não seria melhor adicionar outros autores ao blog para deixar a frequência mais equilibrada? 

R: Isto favoreceria e muito a frequência de postagens, além de resultar em outros benefícios. No entanto, está fora de questão. O fato de eu possuir poucos amigos virtuais já é bem explicativo. Mas já me acostumei com os "mini-hiatos" que vez ou outra tem por aqui quando estou atarefado até o pescoço de tanto rascunho pendente. Seria interessante incluir outros CDCs. Não se trata de "trabalho melhor sozinho" mas sim de "estou acostumado a trabalhar sozinho".


Comentários

As 10 +

10 melhores frases de Vegeta

10 melhores frases de Fullmetal Alchemist

10 melhores frases de O Homem de Aço

10 melhores frases de Coringa

10 melhores frases de As Terríveis Aventuras de Billy e Mandy

10 melhores frases de Cavaleiros do Zodíaco

10 melhores frases de Death Note

Baú Nostálgico #23: Inuyasha

As Meninas Superpoderosas: A História de Brenda